Grupo Cidade
Uso de máscara deve seguir obrigatório em Fortaleza até 2022, afirma Sarto

Apesar do relaxamento da própria população, quem vem dispensando o utensílio em diversas ocasiões, o uso de máscara ainda é obrigatório em grande parte do País.

Foto: Divulgação

O uso de máscara deverá ser obrigatório em Fortaleza até 2022 devido à Covid-19 e doenças sazonais, é o que indicou o prefeito da Capital, José Sarto (PDT), em entrevista a uma rádio de Fortaleza na manhã desta quarta-feira, 27. 

Apesar da desaceleração dos casos de Covid-19, a exigência da máscara deverá seguir devido às doenças do período chuvoso, como Influenza A (H1N1), H3N2 e Influenza B, comuns na época invernosa do Ceará, que acontece no primeiro semestre do ano. 

O uso obrigatório de máscara tem sido assunto recorrente no Brasil. Apesar do relaxamento da própria população, quem vem dispensando o utensílio em diversas ocasiões, o uso de máscara ainda é obrigatório em grande parte do País. Com exceção do Rio de Janeiro e do Distrito Federal, que anunciaram o fim da exigência em espaços abertos, todos os outros estados do Brasil ainda decretaram o uso obrigatório do item. 

Em Nova Olinda, no Ceará, a Prefeitura revogou o item, mas teve de voltar atrás após uma advertência do Ministério Público do Estado (MPCE).

 

COMENTÁRIOS