Grupo Cidade
Pedro Bial diz que precisaria de detector de mentiras para entrevistar Lula

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

Pedro Bial, 63, foi um dos convidados do Manhattan Connection desta quarta-feira (14). O jornalista, conhecido não só por sua trajetória como repórter, correspondente internacional e apresentador do BBB, mas também por estar à frente do programa de entrevistas "Conversa com Bial", polemizou e virou um dos assuntos mais comentados do Twitter após a participação na atração da TV Cutura.

Ao ser questionado por Lucas Mendes, 76, se havia algum convidado que não iria ao seu talk show, Bial disse que Lula afirmou que gostaria de ser entrevistado por ele. "O Lula já até disse que gostaria de fazer o programa comigo, mas tinha que ser ao vivo. Pode até ser ao vivo, mas teria que ter um polígrafo acompanhando todas as falas dele", disse o jornalista, se referindo à necessidade de usar um detector de mentiras para falar com o ex-presidente.

A fala foi criticada por personalidades ligadas à esquerda, como o ator José de Abreu e o youtuber Felipe Neto.

"Bial não deveria ter saído do BBB. Qnd o assunto fica sério, vemos um radical escondido, à lá Alexandre Garcia", disse o influenciador digital.

COMENTÁRIOS