Grupo Cidade
Após quase quatro anos, nova Beira Mar será entregue nesta sexta-feira, 20

A entrega contará com atrações culturais a partir das 17 horas e espetáculo luminotécnico ao longo dos três quilômetros da orla

Foto: Divulgação

Após quase quatro anos de obras, a Prefeitura de Fortaleza anunciou que a entrega da reforma acontecerá nesta sexta-feira, 20. O anúncio foi feito nas redes sociais do prefeito José Sarto (PDT) e no site da Prefeitura. 

A entrega contará com atrações culturais a partir das 17 horas e espetáculo luminotécnico ao longo dos três quilômetros da orla. Ainda, a noite contará com uma apresentação musical de uma atração ainda não divulgada pela prefeitura, num palco instalado ao lado da nova Feirinha.

O investimento de R$ 120 milhões incluiu a finalização do projeto do calçadão da avenida Beira-Mar, que inclui barracas, equipamentos esportivos e banheiro públicos ao longo de 125 mil m² de área, além de 3 km de via com nova pavimentação com piso intertravado, calçadas e sistema de drenagem. Segundo a própria Prefeitura, o calçadão é um dos mais completos do País. 

Um dos destaques da entrega é a nova feirinha da Beira-Mar, que passa a funcionar em uma nova estrutura de 707 boxes construídos ao longo de 8 mil m². Com lonas tensionadas para sombreamento, a Prefeitura destaca que será possível, inclusive, o funcionamento da feirinha durante à tarde. Assim, o novo horário passa a ser de domingo a domingo, de 16h às 22 horas. 

Com uma faixa de areia engordada, entre os espigões das avenidas Rui Barbosa e Desembargador Moreira, a requalificação possibilitou uma nova via paisagística com ciclovia, pista de cooper, além da construção de 63 pontos comerciais distribuídos em quiosques. O projeto paisagístico também realizou o plantio de mais de 600 árvores e a criação de 350 vagas de estacionamento.

Requalificação

As obras da nova Beira Mar iniciaram em agosto de 2018 e, ao longo dos três anos e 10 meses, tiveram sua finalização adiada em mais de uma ocasião. Em setembro de 2020, a Secretaria de Infraestrutura havia anunciado que as obras estavam 80% concluídas. 

Segundo a matéria de anúncio da reforma, os recursos da reforma são provenientes do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

 

COMENTÁRIOS