Grupo Cidade
Reunião para deslanchar edital do leilão do 5G foi cancelada

Procurada pela reportagem, a Anatel diz apenas que a reunião foi cancelada a pedido do conselheiro Emmanoel Campelo para ajuste de voto com os demais conselheiros

JOANA CUNHA
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

Foto: Folhapress

A reunião extraordinária do conselho diretor da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), para a deliberação final do edital do 5G, que estava marcada para esta sexta-feira (10), foi cancelada. Segundo o órgão, o encontro deve ser remarcado para semana que vem. Havia expectativa de uma apresentação de agenda positiva pelo governo, com fala do ministro das Comunicações, Fábio Faria, na sequência para o planejamento da publicação do edital na semana que vem.

Procurada pela reportagem, a Anatel diz apenas que a reunião foi cancelada a pedido do conselheiro Emmanoel Campelo para ajuste de voto com os demais conselheiros. Quem acompanhou o atraso e depois o cancelamento da reunião diz que foi inesperado e aconteceu porque, momentos antes do encontro, um dos conselheiros parou de atender o telefone, quando os colegas ainda se comunicavam para falar das propostas e mapear as divergências antes da reunião.

Como se tratava de um caso de peso, o governo vinha pedindo para que se organizasse tudo com capricho, mas ficou o receio de que viria uma resistência.

O ministro vem dizendo há semanas que o edital sairia em breve e que o leilão certamente acontecerá em outubro, mas o cancelamento desta sexta deve atrasar ainda mais os planos.

COMENTÁRIOS