Grupo Cidade
Caucaia recebe 2.530 vacinas a mais para população Quilombola e espera posicionamento de Sesa

O município recebeu 4.830 doses para vacinar a população Quilombola. Entretanto, a cidade possui apenas 2.300 pessoas cadastradas

Foto: Divulgação

O município de Caucaia está com 2.530 doses da vacina contra o novo coronavírus à espera de um posicionamento da Secretaria de Saúde (Sesa) pelo menos desde segunda-feira, 5. Segundo a comunicação da Secretaria de Saúde de Caucaia, o município recebeu 4.830 doses para vacinar a população Quilombola. Entretanto, a cidade possui apenas 2.300 pessoas cadastradas. 

Segundo a assessoria da Secretaria de Caucaia, a proposta era utilizar as doses para seguir vacinando a população idosa, que faz parte da segunda fase do grupo prioritário do Plano Nacional de Vacinação. Entretanto, para utilizar as doses, é necessária a autorização da Secretaria de Saúde. 

A Frisson entrou em contato com a Secretaria de Saúde do Estado perguntando se já há algum posicionamento sobre as doses em excesso. A Secretaria respondeu indicando que "as metas populacionais de vacinação contra a Covid-19 estão sendo revisadas. De acordo com a Comissão Intergestores Bipartite (CIB), aqueles municípios que tiverem metas superestimadas para população quilombola poderão remanejar essas doses para os idosos acima de 60 anos".

Caucaia aguarda nova remessa

O município de Caucaia zerou o estoque das primeiras doses de vacina contra a Covid-19. A cidade recebeu 39.732 imunizantes destinados à aplicação do grupo prioritário e, segundo confirmou a assessoria de imprensa da prefeitura, havia zerado o estoque no fim de semana.

Segundo o vacinômetro da Secretaria de Saúde do Estado, já foram 34.513 mil pessoas, entre profissionais da saúde, indígenas, quilombolas e idosos que receberam a primeira dose da vacina. Já em relação à segunda dose (D2), foram 11.180.

Segundo o governador Camilo Santana, o Ceará deverá receber 170.450 doses da vacina ainda nesta quinta-feira, 8. 

 

COMENTÁRIOS