Papa Francisco e papa emérito Bento XVI tomam primeira dose da vacina contra Covid-19

Integrantes do grupo de risco devido à idade, os líderes católicos fazem parte de campanha contra o coronavírus promovida pelo Vaticano

Foto: Vatican Media

O papa Francisco, 84, e o papa emérito Bento XVI, 93, receberam a primeira dose da vacina contra o coronavírus. A informação foi confirmada por meio de informação oficial do site de notícias do Vaticano, divulgada nesta quinta-feira, 14. 

A vacina utilizada não foi divulgada, mas, na semana passada, foi divulgada a compra de um ultra freezer para armazenar as vacina, o que sugere que o imunizante adquirido seja o das farmacêuticas Pfizer e BioNTech, que necessita ser conservado em temperaturas de -70ºC. 

Integrantes do grupo de risco devido à idade, os líderes católicos fazem parte de campanha contra o coronavírus promovida pelo Vaticano, que começou na última quarta, 13. 

Na semana anterior, o papa Francisco havia criticado o negacionismo de quem vai contra a vacinação para um canal de televisão italiano. "Acredito que do ponto de vista ético todos devem ser vacinados, porque você não só põe em risco a sua saúde, a sua vida, mas também a dos outros".

 

COMENTÁRIOS