Grupo Cidade
"Coenzima Q10: Produtora de energia celular!", por Dra. Maryna Landim

A Coenzima Q10 é um composto feito por seu corpo e armazenado na mitocôndria de suas células

Foto: Divulgação/Free Pick

A coenzima Q10, também conhecida como CoQ10, é uma suplementação que ajuda a gerar energia nas células.

Seu corpo produz CoQ10 naturalmente, mas sua produção tende a diminuir com a idade. Felizmente, você também pode obter CoQ10 por meio de suplementos ou alimentos.

Inclusive, condições de saúde como doenças cardíacas, doenças cerebrais, diabetes e câncer têm sido associadas a baixos níveis de CoQ10.

Uma coisa é certa: muitas pesquisas revelaram a ampla gama de benefícios à saúde da Coenzima Q10 para o organismo. E é sobre elas que falo no artigo abaixo!

O que é a Coenzima Q10?

A Coenzima Q10 é um composto feito por seu corpo e armazenado na mitocôndria de suas células.

As mitocôndrias são responsáveis pela produção de energia. Eles também protegem as células de danos oxidativos e bactérias ou vírus causadores de doenças.

A produção de CoQ10 diminui à medida que você envelhece. Assim, os idosos parecem ter deficiência desse composto.

Algumas outras causas de deficiência incluem:

- Deficiências nutricionais, como deficiência de vitamina B6
- Defeitos genéticos na síntese ou utilização de CoQ10
- Aumento da demanda por tecidos como consequência de doenças
- Doenças mitocondriais
- Estresse oxidativo devido ao envelhecimento
- Efeitos colaterais dos tratamentos com estatinas

Leia também | "Ômega 3: Gordura repleta de benefícios", por Dra. Maryna Landim

Energia para as células

A pesquisa mostrou que a CoQ10 desempenha várias funções importantes em seu corpo. 

Por exemplo, uma de suas funções principais é ajudar a gerar energia em suas células. Ou seja, está envolvido na produção de trifosfato de adenosina (ATP), que está envolvido na transferência de energia dentro das células.

Seu outro papel crucial é servir como um antioxidante e proteger as células do dano oxidativo.

Além disso, quantidades excessivas de radicais livres levam a danos oxidativos, que podem interferir no funcionamento normal das células. Isso é conhecido por causar muitos problemas de saúde.

Dado que o ATP é usado para realizar todas as funções do corpo e o dano oxidativo é destrutivo para as células, não é surpreendente que algumas doenças crônicas tenham sido associadas a baixos níveis de CoQ10.

CoQ10 está presente em todas as células do seu corpo. No entanto, as concentrações mais altas são encontradas em órgãos com maiores demandas de energia, como o coração, rins, pulmões e fígado.

Suplementação de Coenzima Q10

A Coenzima Q10 vem em duas formas diferentes — ubiquinol e ubiquinona. Ubiquinol é responsável por 90% da CoQ10 no sangue e é a forma mais absorvível. 

Portanto, é recomendável escolher entre suplementos que contenham a forma de ubiquinol. 

A dose padrão de CoQ10 varia de 90 mg a 200 mg por dia, na qual precisa ser avaliada individualmente cada paciente. 

Doses de até 500 mg parecem bem toleradas, e vários estudos usaram doses ainda mais altas sem quaisquer efeitos colaterais graves.

Como a CoQ10 é um composto solúvel em gordura, sua absorção é lenta e limitada. No entanto, tomar suplementos de CoQ10 com alimentos pode ajudar seu corpo a absorvê-lo até três vezes mais rápido do que tomá-lo sem alimentos.

Embora você possa consumir CoQ10 facilmente como um suplemento, ele também está presente em alguns alimentos. Entre eles, estão:

- Carnes de órgãos: coração, fígado e rim
- Algumas carnes: porco, vaca e frango
- Peixes gordos: truta, arenque, cavala e sardinha
- Legumes: espinafre, couve-flor e brócolis
- Frutas: laranjas e morangos
- Legumes: soja, lentilha e amendoim
- Nozes e sementes: gergelim e pistache
- Óleos: óleo de soja e canola

Um suplemento para sua saúde

A Coenzima Q10 é um composto semelhante a uma vitamina, solúvel em gordura, que parece ter muitos benefícios para a saúde.

Está envolvido na produção de energia celular e atua como antioxidante. Essas propriedades o tornam útil na preservação das células e na prevenção e tratamento de algumas doenças crônicas.

Além disso, a CoQ10 ajuda a melhorar a saúde do coração e a regulação do açúcar no sangue, auxilia na prevenção e tratamento do câncer e reduz a frequência das enxaquecas.

Mas, também pode reduzir o dano oxidativo que leva à fadiga muscular, danos à pele e doenças cerebrais e pulmonares.

Portanto, como a produção de CoQ10 diminui com a idade, adultos de todas as idades poderiam se beneficiar mais dela por meio da suplementação.

Dra. Maryna Landim é formada em Medicina, integrante da diretoria da Sociedade Brasileira para Estudos da Fisiologia e pesquisadora da Medicina ortomolecular, preventiva, ayurvédica e integrativa, com foco em longevidade humana

COMENTÁRIOS