Grupo Cidade
Sem segunda dose estocada, Fortaleza deve interromper vacinação com CoronaVac nesta sexta

Segundo representantes da SMS, a Prefeitura seguiu orientação do Ministério da Saúde e não estocou as vacinas para as segundas doses e não recebeu reposição do imunizante

Foto: Divulgação

A secretária municipal de saúde de Fortaleza, Ana Estela Leite, em entrevista para um jornal do Ceará, indicou que a Capital deverá interromper a vacinação para a Covid-19 com o imunizante da CoronaVac nesta sexta-feira, 30, por falta de novas doses. A campanha será interrompida nesta quinta-feira, 29, inclusive para as segundas doses, que não foram estocadas pela Prefeitura.

Segundo ainda a secretária, a Prefeitura seguiu orientação do Ministério da Saúde, que indicou para que os municípios utilizassem as doses recebidas para a segunda dose na aplicação das primeiras. Dessa forma, a Prefeitura não estocou as vacinas para as segundas doses e não recebeu reposição do imunizante. A vacinação com as doses da AstraZeneca irá continuar.  

Por meio de nota, a Secretaria orientou que apenas quem estiver agendado para a vacina compareça aos Centros de Vacinação a partir desta quinta-feira, independente da data marcada para a segunda dose. Apenas com o recebimento de ambas as doses que a pessoa garante total imunidade contra o novo coronavírus. 

“Nesta quinta, pedimos que só compareçam aos Centros de Vacinação exclusivamente os idosos que estiverem agendados. (...) Nós viemos trazendo uma orientação de quem estava com um atraso e não estava agendado poderia comparecer a qualquer um dos centros de vacinação. Essa estratégia mudou e nós só iremos vacinar realmente os agendados porque só teremos doses para os agendados”, disse a titular da SMS, Ana Estela Leite, em vídeo enviado para a imprensa. 

As Secretarias de Saúde Municipal e Estadual foram questionadas em grupo com jornalistas sobre o prazo seguro que uma pessoa pode passar sem a segunda dose, mas não responderam às perguntas.  

O governador do Estado, Camilo Santana (PT), anunciou a chegada de novas doses na tarde desta quinta-feira, 29. Entretanto, o Ceará irá receber apenas 3.800 doses da CoronaVac, ao passo que devem chegar 188.250 imunizantes da AstraZeneca.

 

 

COMENTÁRIOS