Grupo Cidade
Faturamento do Turismo deve voltar à normalidade pré-pandemia apenas em 2022, diz estudo

Segundo o Sebrae, o faturamento desse segmento só deverá chegar ao patamar de faturamento registrado antes da pandemia em 2022, mesmo que 100% da população seja vacinada ainda em 2021

Foto: Divulgação

Um dos segmentos mais atingidos pela pandemia, o setor do turismo e todos os seus serviços indiretos - como restaurantes e bares - deve seguir com um faturamento menor que o normal em 2021. Segundo pesquisa do Sebrae, a média de empresas que funcionam da mesma forma de antes do início da pandemia é de 16%. Entretanto, quando são analisadas empresas desse segmento, o número cai para 4%. 

Também segundo o Sebrae, o faturamento desse segmento só deverá chegar ao patamar de faturamento registrado antes da pandemia em 2022, mesmo que 100% da população seja vacinada ainda em 2021. 

Isso ocorre visto que, além de necessitar de uma vacinação em massa da população, o setor ainda terá que passar por uma reformulação para atender a todas as necessidades do cliente no momento pós-pandemia, de forma a mapear as oportunidades desse novo normal. 

Dessa forma, ainda se faz necessário analisar as novas tendências do turismo. O turismo de luxo é um dos direcionamentos a serem destacados, como também o turismo gastronômico e turismo de charme - nome do turismo que tem como foco ambientes intimistas, menos urbanos e mais tranquilos. 

Turismo no Ceará

Segundo a Secretaria de Turismo do Estado (Setur), um dos planos do Estado para o retorno financeiro do turismo será uma edição itinerante da AbavExpo, feira organizada pela Associação Brasileira de Agência de Viagens (Abav) e que será sediada no Ceará.

Fixada em São Paulo desde 2013, a maior feira de turismo da América Latina será realizada no Centro de Eventos e acontecerá de forma híbrida, com atividades presenciais e ações virtuais. 

 

COMENTÁRIOS