Grupo Cidade
Para reforçar tradição e artesanato, Grupo Mulheres do Brasil promove evento on-line em agosto

Entre os artesãos convidados, estão Evandira Moreira, que pratica a conhecida renda filé, Gilmar Martins, especialista em tecelagem, e Andrea Guedes, conhecida por suas peças de crochê

Foto: Divulgação

Do trabalho manual, da tradição e da inteligência, nasce o artesanato. Visando promover diálogo entre artesãos, a sociedade e o poder público e conhecer mais sobre os nomes que cultuam a tradição no Estado, o Grupo Mulheres do Brasil promove o “I Seminário Terrartesã - As mãos que tecem o Ceará”. O evento será transmitido pelo Youtube e Facebook do Grupo no período de 2 de a 6 de agosto e é aberto e gratuito. 

Entre os artesãos convidados, estão Evandira Moreira, que pratica a conhecida renda filé, Gilmar Martins, especialista em tecelagem, e Andrea Guedes, conhecida por suas peças de crochê. 

O evento faz parte do projeto Terrartesã, criado durante a pandemia com o objetivo de fortalecer o artesanato local e de garantir que as mãos que tecem o Ceará tenham seus trabalhos valorizados e comercializados por meio de um site de e-commerce. "O artesanato cearense alem de proporcionar uma tenda sustentavel para muitos ao redor do Estado tambem mantem viva o folclore, a cultura e a historia do povo fortalecendo as raizes e origens", destaca Annette Reeves, diretora do Grupo Mulheres do Brasil em Fortaleza. 

A programação oficial do evento ainda será confirmada, mas a organização já adianta que será voltada para quatro eixos: a capacitação do artesão em novas tecnologias; as oportunidades de negócios e empreendimentos no ramo; os paralelos entre inovação e tradição no artesanato, design e moda; e as políticas públicas para o fortalecimento do setor.

Além dos artesãos, o evento conta com a presença de Luiza Helena Trajano, presidente do Grupo Mulheres do Brasil; Socorro França, secretária de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos humanos do Estado; Patrícia Liebman , gerente da Ceart; e Angelice Custódio, presidente da Federação das Cooperativas e Associações De Artesãos do Ceará (Fecarce).

Grupo Mulheres do Brasil

O Grupo Mulheres do Brasil é composto por mais de 92 mil mulheres de todo o Brasil e alguns outros países e objetiva destacar o protagonismo feminino em diversas áreas e segmentos. A proposta é realizar ações de forma a discutir temas como educação, empreendedorismo, igualdade de gênero e racial, combate à violência contra a mulher e outros temas de interesse social.

Serviço

I Seminário Terrartesã - As mãos que tecem o Ceará 

Quando: de 2 a 5 de agosto: às 18 horas; dia 6: às 17 horas 

Onde: no Youtube Mulheres do Brasil e Facebook Mulheres do Brasil

 

COMENTÁRIOS